domingo, 1 de novembro de 2009

BALNEÁRIO - águas para a saúde.

O valor da água na vida é reconhecido práticamente por todas as culturas, o seu efeito na saúde possívelmente originou-se nas instalações de higiene proto-indianas (2500 aC) e banhos Caldeus.

" Na civilização grega por volta de 500 aC. os templos de Asclépio situavam-se próximo das fontes e incluiam locais de banho".

Imponente entrada do Balneário, no Parque das Águas de São Lourenço..


"A noção de que água integra a composição do corpo e do universo ocorre simultâneamente nas civilizações orientais da China e Índia que concebem estes como uma relação entre os cinco elementos: água, ar, terra, fogo e éter (na Ìndia) ou madeira (na China). Os gregos descreviam apenas 4 elementos (água, fogo, terra e ar)"

Pequeno histórico do Balneário.

"Este reconhecimento "teórico" e as proposições que deste decorrem, com banhos (aquecidos ou resfriados), dietas, etc. marcam, o final da medicina dos deuses e demônios e dão início aos princípios racionais de diagnóstico, prognóstico e tratamento onde a hidroterapia (das palavras gregas hydor (água) e therapeia (cura), ainda fazem parte das intervenções. "

A parte dos fundos do Balneário é voltada para o lago.

"A expressão termalismo também é utilizada para designar as diversas técnicas e práticas da hidroterapia, e os locais onde se práticam tais intervenções são designadas por Balneários, Termas, Casas de Banho, Estâncias Termais ou Hidrominerais, Caldas".

Jardineiras enfeitam o branco prédio do Balneário.

"Até hoje apesar da diversidade de correntes e tendências, especialmente quanto a prescrição dietética (vegetarianos, ovo-lacto-vegetarianos, crúdivoros, macrobióticos, etc.) a hidroterapia se mantém enquanto prática terapêutica. "

Sala de massagens.

"Estância termal, ou termas, também conhecidas como cidade-spa, é a designação dada a um complexo turístico de características particulares, cujo objectivo é facultar as condições necessárias ao desenvolvimento de terapias com águas minerais da própria região, através de banhos de imersão, jato de água, vapor ou ainda ingerindo essa mesma água quando lhe são reconhecidas propriedades medicinais."
Diversas cidades ao longo do século XIX e XX foram assim designadas no processo de legitimação dessa antiga prática da medicina religiosa."

O Balneário e o lago.

"O termalismo, que significa terapia pela água é visto em todo o mundo como uma forma saudável para alívio do stress, rejuvenescimento da pele e auxílio no tratamento de muitos desequilíbrios do organismo."

Da sala de repouso é essa a visão que se tem do lago.

No Brasil diversos municípios são considerados balneários e estâncias hidrominerais ou termais, especialmente em Minas Gerais onde formam o famoso Circuito das Águas.

São Lourenço faz parte desse Circuito e há muitos anos recebe pessoas que vem em busca da cura para seus males.
Muitos por aqui ficam, criando raízes, transformando-se em cidadãos sãolourencianos e fazendo parte da história da cidade.

Sala de Ofurô.

Aquáticos, Veranistas, Turistas, assim foram e são chamados, aqui em São Lourenço, aqueles que, vindo de outros lugares, utilizam-se do poder curativo das águas.
Venha você também conhecer as nossas águas curativas.

Portão de ferro da entrada do Balneário.

4 comentários:

  1. lazara/valparaiso/go3 de novembro de 2009 18:52

    AH!que bom conhecer um pouco mais sobre o balneario flora,muito lindo por dentro,o branco deu um ar de limpeza e leveza enorme a esse lugar,o interresante que no mural s.lourenço não tem detalhes assim,e nos turista ficamos a imaginar um local onde pessoas com feridas etc usam as aguas dai p.curar,e da uma impresão de turismo meio nojento entende?desculpe,mas pode ser uma dica para os responsaveis pelo tur ai. vc me tirou uma imprensão ruim.obrigada.
    abração

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Lazara, pela visita.
    O Balneário de São Lourenço é muito bonito, absolutamente limpo e claro.
    Foi recentemente remodelado, mas mantendo as características históricas.
    O de Caxambu está terminando sua revitalização, e é lindíssimo, bem mais antigo do que o de S. Lourenço.

    São locais de saúde e beleza. Vale a pena conhecer.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. É verdade. O balneário é mesmo muito bonito. Por dentro e por fora. Mas ele sempre foi assim. Essa tal "revitalização" (leia-se "esmola") promovida pelo setor de relações públicas da Nestlé Waters (e outras que eles vem fazendo) não é mais que uma tentativa de limpar o nome da empresa diante da opinião pública. Pretendem com isso que o povo pense que eles estão fazendo muito pela cidade e esqueçam do assunto da exploração das nossas águas.

    Uma coisa eu não entendi: na placa está escrito [hoje, recém revitalizado, o balneário se mantém com o mesmo estilo colonial...] "estilo colonial"? não consegui ver onde.

    Abraços,
    H.G.M.

    ResponderExcluir
  4. Assunto polêmico, H.G.M., e prefiro não comentar por aqui, já que tenho procurado mostrar o melhor de S. L.
    Quanto ao "colonial" também estranhei, apesar de não ser grande entendida em estilos arquitetônicos.

    Obrigada pela visita, e volte sempre.

    ResponderExcluir

RECEBER SUA VISITA É MUITO BOM !
LER SEU COMENTÁRIO, É MELHOR AINDA !!!